Páginas

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

1º Encontro Paraibano de Graffiti

E assim foi o 1º Encontro Paraibano de Graffiti, no Geisel - João Pessoa - PB. Um salve a todos os aliados que colaram e a todos que viabilizaram esse dia agradável de graffiti. Coletivo Graffiti Paraíba!





  



terça-feira, 27 de janeiro de 2015

2º Sopa de Letras

Obrigado ao Som e a todos que compareceram ao 2º Sopa de Letras, evento feito de nós pra nós. Muro na Rua João Moura, próximo ao Parque do Povo.




sexta-feira, 8 de agosto de 2014

Soraia Samuraia

Dia de muito graffiti na casa da Vanessa, tivemos que terminar às pressas por causa da chuva, mas tá valendo. O desenho tava no caderninho fazia um tempo e decidi passar pra parede. Aí vai o processo:










segunda-feira, 2 de junho de 2014

Mãos em Adoção - 1ª Feira de Adoção de Animais do Centro de Zoonoses

Há alguns meses, Rodrigo e Catalina, que atuam na defesa dos animais, me procuraram para que eu pintasse alguma coisa ligada à temática animal no Centro de Zoonoses, de uma maneira que chamasse atenção para o Centro e seus animais. Eu pensei e sugeri: Porque apenas grafitar, se podemos transformar isso em um evento maior? E assim, organizamos o Mãos em Adoção, com a finalidade de aumentar o número de adoções de cães, gatos e animais de grande porte, como cavalos, jumentos, etc.
E nesse dia 1º de Junho, aconteceu a feira, que contou com um grande número de atrações, como o artista Sócrates Gonçalves na voz e violão e caricaturando quem adotasse um bichinho, exposição fotográfica de Ingrid Dantas que fotografou vários artistas com os próprios animais do Centro de Zoonoses, Cris Leandro contando histórias para as crianças, e o pessoal do graffiti pintando a entrada do Centro: Eu, Celo, Jed, Corage e Sponja.
Entre várias histórias legais de pessoas que adotaram animais, uma em particular emocionou a todos, que foi o reencontro de um dono e seu cão, que havia sumido há 6 meses. Ao procurar um novo cão para adotar na feira de adoção, Eduardo Ramos teve uma grata surpresa e não conseguiu segurar a emoção ao reencontrar Fly, seu amigo desaparecido. Fly começou a latir euforicamente ao ver seu dono. O momento emocionou também todos que presenciaram a cena.

Histórias como essa nos motivam a seguir em frente e colaborar com iniciativas como essa. O Centro de Zoonoses continua aberto à população. E você, já pensou em dar um lar a um animal abandonado?

http://www.paraibaonline.com.br/noticia/924263-dono-de-cao-desaparecido-reencontra-animal-em-feira-de-adocao.html


https://www.facebook.com/pages/M%C3%A3os-em-Ado%C3%A7%C3%A3o/711787575547883?fref=ts